Moço, respeite o luto do seu coração

 In Comportamento, Psicologia
Texto de Ivonete Rosa

Moço, respeite o luto do seu coração

Moço, um dia desse você estava chorando pelo fim do seu casamento. Você estava profundamente machucado, não parecia uma dor de cotovelo qualquer, seu sofrimento pareceu-me visceral. Você estava sem chão.

Achei seu desabafo corajoso, sincero e cheio de beleza. Você me expôs as suas fragilidades, sem nenhuma armadura.

Me preocupa sua decisão repentina de se relacionar, assim de repente. Isso me surpreendeu. Sou a favor dos recomeços, todos nós precisamos deles, contudo, eles não podem ser precoces, algumas etapas devem ser vivenciadas.

Como você vai iniciar um namoro machucado desse jeito? Essa moça sabe do que se passa aí dentro do seu coração? Você foi franco com ela? Contou a ela ao menos a metade do que me contou? É humanamente impossível você ter finalizado seu luto daquele dia para cá.

Não vejo nenhum entusiasmo quando você fala dessa mulher. Não seria melhor você ser honesto com o que está sentindo? O luto amoroso não é coisa de gente frouxa, espera a ferida cicatrizar.

Você não precisa provar nada a ninguém. Cuidado com essa história de curar um amor com outro, isso pode ser desastroso.

Talvez essa moça já venha de um histórico amoroso delicado. Pode ser que ela esteja vendo em você uma possibilidade de reescrever a história dela. Mas você não terá como oferecer o que ela busca. Você está machucado demais para acrescentar algo ao coração de alguém. Não vejo brilho em seus olhos quando fala dela.

Você corre o risco de machucar essa moça, ela poderá se apaixonar e, você não ter condições de retribuir. Pode ser que você se esforce, mas isso não depende de esforço. A paixão e o amor possuem mecanismos próprios para se manifestarem, ninguém controla isso.

Você até reconhece os atributos dela de forma racional, mas o coração está indiferente. Eu sei que ficamos inconformados quando estamos diante de uma pessoa espetacular e o coração faz cara de paisagem.  Parece ironia do destino, né?

Eu sugiro que você desista de usar essa mulher como curativo, ela não merece isso. Ninguém merece!

Posts Recentes

Deixe um Comentário